terça-feira, outubro 11, 2005

Tempestade Tropical???


"maigode, como é quente esse Pais tropical, Portugal!"


ATENÇÃO AMIGOS

Começa assim a notícia: "A tempestade tropical "Vince" perdeu força, mas o Instituto de Meteorologia mantém as previsões de mau tempo sobretudo para o norte e centro de Portugal Continental."
Com a breca, anda tudo virado neste mundo? É claro que já se sabia que Portugal iria ser assolado por uma tempestade. E que essa tempestade seria tropical. A minha questão é: ninguém se perguntou porque raio uma tempestade tropical iria fustigar Portugal? Será que os E.U.A. inventaram um aparelho que desvie os furacões para outros destinos tropicais, como Portugal, Escandinávia e Bielorússia? Desde quando é que este é um Pais tropical, para além de República das Bananas?

Compreendo que os Açores e a Madeira tenham um clima mais temperado e ameno, que o calor que assolou o Algarve tenha relembrado a minha pele que a pigmentação tem mais cores para além do branco-cal mas...uma tempestade tropical? Quando interroguei um amigo sobre a aparente ambiguidade da tropicalidade portuguesa, limitou-se a responder
-"Portugal...sabes como é..."

A notícia continua: "Num comunicado divulgado ontem à noite, o Instituto de Meteorologia (IM) informou que, segundo o Centro Nacional de Furacões de Miami (Estados Unidos), a tempestade tropical encontrava-se, às 15h00 de ontem, a nordeste do Arquipélago da Madeira, com deslocamento para leste a uma velocidade de 36 quilómetros por hora."

O quê? Agora o Instituto de Metereologia vai basear as suas previsões e beber os seus dados ao Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos? Mas, como toda a gente já viu, eles são péssimos nisso da previsão... pronto, vou ser mais justo, o que falha mesmo é o rescaldo das situações. E nisso, o eixo Portugal-E.U.A. bem se pode juntar à esquina a tocar a concertina e dançar o só-li-dó!

Ainda a notícia: "A meteorologista Elvira Palma confirmou, porém, ontem à noite à Lusa que a situação é "menos gravosa" e que a tempestade "Vince" se está a transformar em depressão."
Pois que se até as tempestades se deprimem, o que dizer deste Pais assolado por furacões de incompetência governamental, por ciclones de estupidez económica, pelos aguaceiros de interesses e cunhas e um ora-joga-à-direita-ora-joga-à-esquerda que não sai do mesmo sítio...
Mesmo que o tempo melhore amanhã, e que só tenhamos a continuação de aguaceiros (eu já apanhei a minha primeira molha outonal), continuamos com a mesma falta-de-visão política, com a mesma trovoada de laxismo e furto de responsabilidades...

Mas como isto das metáforas metereológicas apenas serve limitadamente os propósitos da crítica, volto à notícia: "A tempestade "Vince" pertence à temporada de furacões e ciclones, que começa a 1 de Junho e termina a 30 de Novembro." Ora bem, era o que nos faltava...ainda decorria a temporada dos incêndios, começava a temporada dos furacões e, mais tarde, a temporada de futebol! Alguém tem de pôr mão nisto (não digo na temporada de fogos, que aí sobram mãos...), alguém tem de organizar o calendário de temporadas! Depois, queixam-se das audiências...Pudera!

"O Serviço Nacional de Bombeiros e Protecção Civil (SNBPC) aconselhou as pessoas a fechar as janelas e as portas" (e se possível for, sairem apenas de casa quando isto for governado pelos espanhóis!) "e a ter cuidados redobrados nas estradas" (vá lá, parem de mandar piadas, a situação é séria, caramba!) "por causa da possível formação de lençóis de água" (se fosse um colchão de àgua...) "devido às fortes chuvas e rajadas de vento previstas." (por isso, se forem na estrada, aproveitem para ver quanto é que o vosso carro dá quando empurrado por ventos ciclónicos...deve ser buuuuéééé da fixe! Tunings, alerta!)

"Em comunicado, o SNBPC explica que "independentemente da tempestade tropical, a aproximação de uma frente fria está a provocar chuva e vento em todo o território continental até ao próximo dia 13", quinta-feira."
Chuvinha da boa até Quinta. Quem me disser que já tinha saudades da chuva, até vai morder a língua...

"Assim, recomenda que sejam desobstruídos os sistemas de escoamento das águas pluviais" (se for como nos anos passados, vamos ver os sistemas de escoamento serem levados por essas mesmas àguas), "retirados os objectos que possam ser arrastados" (como veículos automóveis, pequenas habitações de veraneio, etc) "e que seja feita a limpeza de sarjetas, algerozes e caldeiras." (e do Pais!)

1 comentário:

Ventilan disse...

esta da tempestade tropical é muito boa :)

Ontem a Andreia aparece e diz-me Vem aí um furacão... 3 segundos de silêncio e depois escangalhei-me a rir! Uuuuuh, acreditas em tudo o que te dizem?!?!? Enfim, e dizem que os noticiários não são divertidos...